5 cervejas artesanais nordestinas para harmonizar com pratos típicos de Natal

Como prometido, seguem abaixo cinco cervejas artesanais (todas produzidas no Nordeste) e que harmonizam perfeitamente com as principais comidas de Natal. Antes de mais nada, não deixe de conferir também a nossa lista com cinco cervejas especiais escolhidos pela sommelière Beatriz Ruiz, da AmBev.

Desta vez, a harmonização foi feita pelo sommelier Bruno Peixoto, da Confraria Beermon, e os pratos são assinados por Guilherme Jordão, chef do Arri Chopperia (localizado na Rua Hamilton de Barros Soutinho, 962, bairro de Jatiúca) . Por isso, bon appetite e ein prosit!!

1 РSalpic̣o de frango + Tuareg Cream Ale (Club66 РAL)

(Foto: Club66)

A Tuareg, da Cervejaria CLub66, é uma cerveja leve e refrescante,uma ótima opção para começar. Bastante carbonatada e com um aroma cítrico pouco condimentado, a leveza e a refrescância da cerveja casa perfeitamente com a sutileza do salpicão, ao mesmo tempo que o aroma enriquece o sabor do prato e a carbonatação limpa a gordura da maionese, preparando o palato para a próxima colherada.

Receita
1 kg peito de frango
1 cenoura ralada
1 pimentão verde em cubinhos pequenos
1 Lata de milho verde
200g de azeitonas fatiadas sem caroço
100g uva passa
400g maionese
Salsa e cebolinha picada
Batata palha
Sal e pimenta do reino a gosto

1.Cozinhe o peito de frango em água e sal, espere esfriar e desfie bem.

2.Misture todos os ingredientes em uma travessa, exceto a batata palha. Coloque o sal e pimenta do reino.

3.Sirva com uma camada de batata palha por cima.

2 – Peru assado com molho de laranja picante + Jangadeiros Session IPA (DasLagoas – AL)

(Foto: Vanessa Siqueira/ Breje-se!)

Nesta receita, o peito de peru terá seu sabor turbinado pelo uso de vinho branco e pelo marcante molho de laranja picante, o que pede uma cerveja com base não tão pesada, porém com potência suficiente para uma convivência harmônica. O aroma e sabor cítricos da Jangadeiros Session IPA do DasLagoas Brewpub combinam com o vinho branco, o molho de laranja picante e os temperos de modo a enriquecer a experiência degustativa.

Receita
1 peru limpo com cerca de 4 Kg
4 dentes de alho
2 cebolas grandes
1 pimenta dedo de moça
1 colher das de sopa de mostarda tipo francesa
1/2 garrafa de vinho branco seco
2 xícaras de caldo de galinha
1 xícara de manteiga derretida
2 colheres sopa manteiga gelada
1,5 L suco de laranja
10 colheres sopa açúcar
1 colher sopa amido de milho
sal e pimenta do reino a gosto

Peru
1.Limpe bem o Peru e tempere com sal, pimenta do reino e os 4 dentes de alho bem triturados.
2. Forre uma assadeira com as 2 cebolas cortadas em lâminas, formando uma cama e coloque o Peru em cima.
3. Despeje o vinho, o caldo de galinha e a manteiga derretida no fundo da assadeira. Cubra com papel alumínio e leve ao forno por 1 hora a 180 graus.
4. Retire o papel alumínio, regue bem o Peru com o caldo do fundo da assadeira e asse por mais uma hora ou até o Peru está bem dourado. Reserve.

Molho
Derreta o açúcar com um pouco de água até formar um caramelo bem clarinho. Adicione o suco de laranja e deixe reduzir até 1L. Adicione a mostarda e a pimenta Dedo de Moça, sem sementes e bem picadinha. Dissolva o amido de milho em um pouco de água e acrescente. Deixe reduzir até formar uma calda pouco consistente. Desligue, adicione a manteiga fria e mexa até dar um brilho a calda.

Sirva uma fatia do Peru com o molho por cima.

Gratinado de bacalhau com creme de batatas e azeitonas + Nísia Witbier (Raffe-RN)

Nísia Raffe (Foto: Untappd / Reprodução)

No bacalhau, a Nísia Witbier vai acionar sua acidez para limpar a gordura e cremosidade do leite e da manteiga, à medida que o aroma e sabor condimentados da semente de coentro junto com o cítrico da raspa de limão atuam como verdadeiros temperos, enriquecendo ainda mais o prato.

Receita
500g de bacalhau em lascas
500g de batata inglesa
100g de manteiga
50g de alho triturado
1L de leite integral
100g azeitonas verdes sem caroço
Salsa e cebolinha picadas
Azeite extra virgem

  1. Retire o excesso de sal do bacalhau em água fria.
  2. Cozinhe as batatas e amasse bem, sem casca.
  3. Refogue o alho na manteiga até começar a dourar. Acrescente a batata amassada e o leite. Faça um purê pouco consistente.
  4. Refogue o bacalhau em um pouco de manteiga e azeite. Acrescente as azeitonas e depois o purê. Mexa bem, acrescente a salsinha e a cebolinha.
  5. Espalhe o bacalhau em uma travessa, leve ao forno pra gratinar.

Sirva com azeite extra virgem e uma salada de folhas.

Fil̩ mignon ao molho de parmeṣo + APA 1817 (Ekaut РPE)

(Foto: Ekaut Cervejaria)

Apesar do filé mignon ser uma carne com pouca gordura e sabor mais atenuado, a gordura e sabor intenso do queijo gorgonzola exige uma cerveja com características mais marcantes e que conviva bem com essa intensidade. Tal escolha me fez pensar na APA 1817, da Cervejaria Ekaut, de Pernambuco. Ao mesmo tempo que o aroma frutado e floral vai trabalhar como um “tempero” para carne de sabor atenuado e nobre, o leve dulçor da entrada ajuda a compensar o salgado forte do queijo e o amargor, além de limpar a gordura do palato.

Receita
600g filé mignon limpo e de espessura uniforme
200g manteiga
50g alho triturado
1 colher sopa amido de milho
300 ml leite integral
50 g cebola ralada
150g parmesão ralado
200g bacon magro
Sal e pimenta do reino a gosto

Filé
1. Tempere a peça inteira com sal e pimenta do reino.
2. Em uma frigideira grande sele bem o filé com um pouco de óleo. Quando estiver quase no ponto escolhido, coloque a manteiga e deixe até ela começar a mudar de cor. Retire e reserve.

Molho
Em uma panela, coloque a manteiga com um fio de azeite e o alho triturado, refogue até o alho ficar levemente dourado, acrescente a cebola e refogue mais um pouco. Retire do fogo, misture o amido de milho e mexa bem. Acrescente o leite frio e leve ao fogo novamente até engrossar um pouco. Adicione o parmesão e homogeneíze. Reserve.

Retire o filé da frigideira e use a mesma frigideira para dourar o bacon. Acrescente o molho de parmesão.

Pav̻ de doce de leite + Vienna Lager (DeBron РPE)

(Foto: Cervejaria DeBron)

Pra fechar o jantar, vamos combinar um pavê de doce de leite com o malte da Vienna Lager, da DeBron. O dulçor e o caramelo muito presentes na cerveja dão um ótimo casamento com o doce de leite, biscoito maizena e a paçoquinha, ao mesmo tempo que a cerveja limpará o acentuado doce do paladar deixando a próxima colherada tão gostosa quanto a primeira.

100g manteiga
3 gemas de ovos
3 claras de ovos
2 latas de creme de leite
200 g açúcar
2 latas de leite condensado
1 pacote biscoito maisena
100g pacoquinha triturada

1.Numa batedeira coloque a manteiga, o açúcar e as gemas. Bata em velocidade média até obter um creme Branco e homogêneo. Retire da batedeira e acrescente o creme de leite, misturando com uma colher.
2.Leve as duas latas de leite condensado ao fogo em uma panela de pressão, cobrindo as latas com água. Depois de pegar pressão conte 30 minutos na pressão e desligue. Espere esfriar bem para abrir. Este é o doce de leite.

3.Forre o fundo de uma travessa com o biscoito, depois o creme Branco, biscoito de novo e depois o doce de leite. Assim sucessivamente até terminar com creme Branco.

4.Bata as 3 claras em ponto de neve e acomode-a por cima da travessa. Polvilhe a pacoquinha triturada.

5.leve à geladeira por 4 horas e sirva.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: